Thursday, 27 June 2013

Portuguese translation of citizens open letter

Carta aberta para o Presidente da Comissão Europeia; Presidente do Conselho Europeu e para o Presidente do Parlamento Europeu Exmos.

Senhores José Manuel Barroso, Herman Van Rompuy, Martin Schulz

Estamos profundamente preocupados com o futuro da Europa. A contínua crise política, económica e social está uma vez mais a colocar a união do continente em risco. As consecutivas falhas nos projetos anticrise têm feito aumentar o nível de desconfiança das instituições da União entre os próprios cidadãos. O populismo e nacionalismo continuam também a aumentar em todos os estados-membros, assim como também erguem-se fortes vozes partidárias que defendem o fim da nossa União. Estamos claramente perante um desenvolvimento muito perigoso.

Com a crise temos vindo também a assistir a um crescimento de organizações na Europa. Criadas pelos seus cidadãos, essas organizações estão a trabalhar para uma Europa mais democrática, mais forte e mais solidária. Através diferentes iniciativas, fóruns, debates e campanhas de informação, as organizações querem fazer aumentar a participação das pessoas na construção de uma Europa para os cidadãos.

Estamos orgulhosos com o que a Europa conseguiu atingir ao fim de 60 anos, mas também vemos que o sistema intergovernamental não consegue dar resposta aos desafios de uma Europa moderna. Como consequência, este sistema tem gerado um afastamento entre os governos e as populações. Os cidadãos estão à procura de diferentes alternativas a este sistema. Procuram uma maior participação, responsabilidade e democracia. O défice democrático que frequentemente tem atormentado a União Europeia não pode ser mais tolerado.

A crise deixou claro que nós devemos salvar a Europa, precisamos de reconstruir e reformar a Europa, não apenas economicamente mas também a nível politico e social.

É como estivéssemos prestes a escolher um caminho. O caminho que vamos escolher, afetará muitas gerações futuras. Estamos a enfrentar sem dúvida, o maior desafio para uma Europa unida.

A Europa está a caminhar para uma federação ou teremos uma desintegração. Uma desintegração na Europa levaria a uma nova Era de divisões e crises que nenhum de nós gostaria de viver, ou então deixar passar para as próximas gerações. Cada vez mais os cidadãos veem uma Europa Federal como a mais pragmática, assim como uma solução de longo prazo. A questão que se coloca é se essa mesma federação deve ter como base os seus cidadãos ou os seus estados-membros?

Esta carta reflete a forte convicção de um grupo de cidadãos Europeus de vários estados-membros e convidamos V. Ex.ª Presidente José Manuel Barroso; Presidente Herman Van Rompuy e Presidente Martin Schulz para promover uma nova fase de reforma na União Europeia focada numa federação democrática para os cidadãos.

Por uma Europa na qual todos nós queremos viver

União Europeia 2013 06 26